21 de mar de 2015

Dicas literárias para um final de semana chuvoso

Eu particularmente adoro chuva! Me jogo na cama, abro a janela e fico horas pensando na vida. O barulhinho da chuva e o cheiro de terra molhada me dão uma sensação de morar na serra, de paz interior. Me torna um ser nostálgico e me leva aos meus 18 anos quando morava na serra e todos os dias as 5 da tarde chovia. Os encontros era sempre antes ou depois da chuva. Relógio pra que?
Tenho a sensação que os dias chuvosos passam mais devagar. Por isso finais de semana assim são ótimos pra ler.

- Legal Gika, mas você quer que eu saia na chuva pra comprar um livro?

Que sair o que! Compra e baixa lá no site da Amazon.com.br.

- Você é chique Gika, eu não tenho kindle.

Que Kindle o que! Não precisa ter kindle. É baixar o aplicativo para o seu celular, computador ou tablet, comprar o livro com qualquer cartão e você passará o final de semana lendo e escutando o barulhinho da chuva cair. Tem coisa melhor?

Quero aproveitar e indicar algumas leituras ótimas e que estão disponíveis para compra na Amazon. Literatura Brasileira sim. E-book de qualidade sim. Temos tantos autores bons e incríveis!

Vamos lá... 

A primeira é um chick lit curtinho da JC Ponzi. “Desde Sempre, Para Sempre” tem 40 páginas e é um conto gostoso de ler, curtinho e cheio de ginga e bossa como o nosso Rio de Janeiro. Você vai se apaixonar pela história.

 A segunda leitura é para aqueles que amam fantasia, suspense e romance. É o livro O Penhasco da fofíssima Carine Raposo. É o primeiro de uma trilogia que promete arrebentar. É daquele tipo de livro que você se agarra de tal maneira e não solta mais. Texto gostoso, personagens envolventes e bem trabalhados. Ótima pedida pro final de semana.

A terceira indicação é para quem gosta de leituras mais fortes e impactantes. Se você busca uma história incrivelmente viciante, com direito a amor obsessivo e paranoico e um psicopata chamado Téo lhes apresento: “Dias Perfeitos”. Este é o segundo romance de Raphael Montes que chegou para redefinir a literatura policial brasileira. A trama te prende cada vez mais e você vai acabar como eu: virando a noite para terminar de ler. Ouso dizer que temos um Stephen King brasileiro.

Aproveito também para indicar os contos de ficção cientifica e fantasia da Roberta Spindler. São curtos, gostos de ler e muito bem escritos.

Para os amantes de poesia indico o livro de Junior Franco. Grande poeta e romancista que está conquistando o Sul do Brasil.

Agora não me venham com a desculpa que dia de chuva é um tédio. Que não há nada para se fazer com chuva. É correr pra leitura. Tem para todos os gostos e bolsos. Tem algo melhor que ler deitadinha na cama ouvindo a chuva cair?